A lebre e a tartaruga

Por Christiane Angelotti
(Adaptação da obra de Esopo)


Era uma vez...

Uma lebre e uma tartaruga.

A lebre vivia zombando da lerdeza da tartaruga.

Certa vez, a tartaruga já muito cansada por ser alvo de gozações desafiou a lebre para uma corrida.

A lebre, muito segura de si, aceitou prontamente.

Não perdendo tempo, a tartaruga pôs-se a caminhar com seus passinhos lentos, porém firmes.

Logo a lebre ultrapassou a adversária e, vendo que ganharia fácil, parou e decidiu descansar. Acabou cochilando.

Quando acordou, não viu a tartaruga e voltou à corrida.

Já na reta final, viu a sua adversária cruzando a linha de chegada toda sorridente.

Moral da história: devagar se vai ao longe.

Proibida a reprodução do texto acima sem a autorização prévia da autora.