terça-feira, 27 de agosto de 2019

Para ver, ler e pesquisar sobre a infância — Dicas # 16

Território do Brincar




O programa Território do Brincar é um trabalho de pesquisa, documentação e sensibilização sobre a cultura da infância brasileira, coordenado pela educadora Renata Meirelles e pelo documentarista David Reeks e correalizado pelo Instituto Alana. O trabalho realizado no site é fruto de pesquisas e viagens de seus realizadores com o intuito de conhecer diversas infâncias brasileiras. O registro dessa jornada – em filmes, fotos, textos e áudios – se transformou em publicações, documentários, exposições e diálogos sobre a infância brasileira.





Confira o site do Território do Brincar: https://territoriodobrincar.com.br/

Série ‘Diálogos do Brincar': https://territoriodobrincar.com.br/videos/dialogos-do-brincar-2/
A iniciativa busca travar discussões sobre temas que tocam a infância, a educação e o brincar

Vídeos por categorias: https://territoriodobrincar.com.br/videos-categorias/


'A educação não pode ignorar a curiosidade das crianças’, diz Edgar Morin



O pensador francês que veio ao Brasil em 2014 para participar do encontro ‘Educação 360’, pontou em sua fala a necessidade de acolher e estimular a curiosidade natural das crianças. É uma das formas mais ricas de aprendizado.



"[...] A revolução do seu sistema educacional vai passar pela reforma na formação dos seus educadores. É preciso educar os educadores. Os professores precisam sair de suas disciplinas para dialogar com outros campos de conhecimento. E essa evolução ainda não aconteceu. O professor possui uma missão social, e tanto a opinião pública como o cidadão precisam ter a consciência dessa missão."

Ver matéria completa em: https://glo.bo/2NAYEfq



Conhecimento ao alcance de todos




A Fundação Santillana promove a edição e a distribuição de obras de referência na área de políticas públicas educacionais, visando contribuir para o debate e ações em prol da melhoria da qualidade do ensino.


Confira os títulos disponíveis em formato digital no site da fundação: https://bit.ly/2MFblX5