domingo, 18 de março de 2018

Para ver, ler e pesquisar sobre a infância — Dicas # 13

Nesta edição só dicas de downloads de matérias educativas. Vale conferir!

Guia para contação de histórias

Créditos: Fundação Abrinq
As histórias podem nos transportar para mundos onde tudo é possível, e, por meio delas, temos acesso a uma fonte inesgotável de conhecimento. Para motivar e auxiliar nos momentos de contação de histórias, a Fundação Abrinq (https://www.fadc.org.br/) lançou o eBook “Viaje sem sair de casa — Guia para contação de histórias”.

Você pode baixá-lo gratuitamente acessando o link:
http://conteudo.fadc.org.br/ebook-contacao-de-historias

UNESP lança livros de ciências, artes e educação para download gratuito

A Editora UNESP, da Universidade do Estado de São Paulo, disponibilizou 18 livros para download gratuito. Entre os títulos há livros de Artes, Ciência da Informação, Ciências da Motricidade, Ciências Sociais, Comunicação, Educação, Estudos Literários, Geografia, História, Letras, Linguística e Psicologia e resultam da parceria entre a Pró-Reitoria de Pós-Graduação da Universidade e a Fundação Editora da UNESP.


Projeto Guri disponibiliza livros didáticos para download

Educadores podem acessar e baixar gratuitamente os livros didáticos produzidos pelo Projeto Guri, programa mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo que promove educação musical para crianças e adolescentes de 6 a 18 anos.

O material reúne conteúdos abordados no ensino de música nos polos da instituição, incluindo sugestões de atividades e repertório, dicas e curiosidades musicais. É possível acessar tanto a coleção para educadores quanto a voltada aos alunos.

O material está disponível no site: http://www.projetoguri.org.br/livros-didaticos/

Revista Parques Sonoros Musicais

“A música como linguagem precisa ser explorada nas Unidades de Educação Infantil a fim de proporcionar aos bebês e crianças a expressão do seu imaginário e o prazer de descobrir e inventar novos sons. Essas experiências possibilitam que as crianças explorem e vivenciem situações de um processo criativo musical por meio da exploração dos sons do ambiente, pesquisando, criando, imaginando, individualmente ou em grupos, sons e objetos sonoros construídos com diferentes materiais do cotidiano e reciclados.”

A partir das experiências de implantação dos Parques Sonoros Musicais, dos estudos e da formação dos professores da rede municipal de ensino, a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo lançou uma revista eletrônica que traz concepções e propostas de como trabalhar a percepção sonora no cotidiano da educação infantil.

Download disponível em: http://bit.ly/2eIrTey