segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Brincadeiras para os dias quentes de verão

O verão é estação do ano mais convidativa para brincadeiras ao ar livre. Com as altas temperaturas que costumam fazer no Brasil é praticamente impossível brincar dentro de casa. Brincar em espaços abertos proporciona grandes aprendizados às crianças. O contato com a natureza, exercícios físicos como correr, pular, a integração e socialização com outras crianças e tomar sol, que ajuda a sintetizar vitamina D no organismo, são algumas dessas atividades típicas da estação.

Separamos algumas ideias de brincadeiras para aproveitar com as crianças as semanas de calor que ainda restam. Vale lembrar que as brincadeiras com água são maravilhosas, mas é necessário também que ensinemos as crianças a não desperdiçarem. Nada de torneira aberta sem uso, mangueira ligada à toa. Usou, fechou. Brincou, acabou? Guardou.

Barquinho de gelo

Coloque cubos de gelo com água no congelador, quando começar a congelar fixe um canudo cortado. Deixe congelar. Encha um recipiente grande com água para que os barquinhos possam navegar. Desenforme os barquinhos, encaixe as velas previamente recortadas nos canudos. Agora é só as crianças soprarem e brincarem. 







Pescaria de tampinhas

Coloque tampinhas de garrafa PET, de tamanhos diferentes, em uma bacia com água. Para pescar a criança precisará de dois palitos de churrasco. Para incrementar a brincadeira a pontuação das tampinhas poderá estar associada à cor ou  ao tamanho. Agora é só ver quem pega mais tampinhas! Você também pode adaptar a pescaria substituindo as tampinhas de garrafa por números em EVA. Depois de “pescados” é só somá-los para obter a pontuação. 
Imagem 3











Comidinhas de areia ou lama

Brincar de fazer comidinhas com areia, lama, potes, panelinhas, folhas... Passar pela infância sem essa experiência é uma enorme perda! É uma brincadeira que estimula a imaginação, a criatividade, o faz de conta e é super divertida também para os dias quentes de verão. Pode ser adaptada também para a praia, onde as crianças além de construírem castelos de areia podem fazer deliciosas comidinhas.



Derrubar o pato

Patinhos de borracha flutuam na bacia em uma piscina. Usando só o jato de água que sai do borrifador.









Caçando bexigas

Com o auxílio de noodles ou, como chamamos popularmente, os espaguetes/macarrões de piscinas, crianças poderão “caçar” bexigas (balões) flutuantes e direcioná-las ao seu respectivo cesto.  Cada criança terá o seu próprio cesto e não vale encostar as mãos nas bexigas. Ganha quem capturar mais.








Acerte o alvo!

Faça um grande alvo usando um tecido, pode ser de TNT. Recorte nele formas geométricas em grandes proporções para que a criança possa acertar de certa distância. Marque a distância do alvo em que as crianças farão o arremesso. Cada criança terá a chance de arremessar duas bolas por vez. Cada forma geométrica valerá uma determinada pontuação. Ganha quem somar mais pontos.





Tesouro no gelo

Congele alguns brinquedos de plástico em um pote grande de água ou uma bacia. Pode tingir a água com guache se quiser. Depois distribua ferramentas de brinquedo para as crianças e deixe-as brincar de arqueólogos escavando o gelo e descobrindo os brinquedos.